Dia de Amigos…

Em tempo de pandemia a comemoração do Dia de Amigos terá de ser mais contida, com a devida distância física, mas em festa, pois a amizade não conhece muros, nem confinamentos, e muito menos faz uso de máscaras ou de restrições de liberdade.

A amizade atravessa a imensidão do espaço e transcede todos os limites, num tempo fértil e cúmplice, sempre com a porta aberta para falar e escutar, para sublimar o silêncio e perscrutar o olhar, sendo âncora quando nos foge o chão.

Mas é também feita de risos desarmados e alianças inquebráveis, aventuras em mar aberto sem rotas delineadas, fazendo ecoar azuis profundos. É resistência nas tempestades e abrigo nas chuvas de verão, sabendo acolher as palavras desamparadas, ávidas de serem escutadas antes de calcificarem, silenciadas.

Mas quando os meus olhos se alagam de água, os amigos são o porto seguro, como sou para eles o céu de azul macio em dias de raivas flamejantes.

Os amigos são pacientes e tolerantes, pois são feitos de uma bondade que poucas vezes encontramos, de uma leveza fascinante, suspensos num fio invisível de dádiva permanente.

Os amigos são o açúcar e o sal, com que temperamos a vida.

Feliz dia de amigos, sempre em segurança!

(Manuela Resendes)

1 Comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s