Medicamentos e gravidez…

pregnancy-806989_1280.jpg

Todos sabemos que a combinação entre medicamentos e gravidez deve ser evitada sempre que possível…

Assim, para evitar complicações,  as grávidas só devem tomar medicamentos por prescrição médica ou indicação do farmacêutico (se forem de venda livre), e apenas quando o benefício for superior ao risco.

Os medicamentos tomados pela grávida  chegam ao feto através da placenta, seguindo o mesmo trajeto percorrido pelos nutrientes e oxigénio. Podem agir diretamente  sobre o feto provocando lesões, afetar a placenta, reduzindo o aporte dos nutrientes e oxigénio, ou ainda atuar indiretamente sobre o feto por algum problema provocado na mãe.

Quando a mulher tiver alguma doença, que exija medicação, deve ser avaliado o risco de uma gravidez, não só pela doença, como pelas terapêuticas instituídas. Poderá haver necessidade de instituir nova terapêutica, além de se preconizar que a gravidez ocorra  num período de remissão ou estabilidade da doença.

Estima-se que 2% a 3% das anomalias congénitas detetadas durante a gravidez sejam provocadas pela toma de fármacos ou outras drogas durante a gravidez.

Proteja, assim, a sua saúde e a dos seus!

pregnant-2720433_1280.jpg

Anúncios

2 Comments

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s