Amanhã…

sunflower-4339580_960_720.jpg

Amanhã pode ser muito tempo, vai ser um novo dia, uma outra realidade em que o sol vai nascer mas não sabemos se para nos iluminar…

O futuro não está lá longe, não pertence a outro planeta, não é uma entidade completamente abstrata porque precisa ser sonhado, projetado e construído paulatinamente, embora nem sempre com passos seguros. Por vezes é preciso dar um salto no desconhecido, ou mesmo “voar”, senão nunca saberemos o que está para lá do que os nossos olhos conseguem alcançar.

Viver é em si mesmo um risco, e se não caminharmos no sentido de procurar o que nos faz sentir bem ficaremos reféns de um futuro que nunca chegará.

O tempo é escasso e demasiado precioso para que o deixemos esfumar-se entre lamúrias e tédio, entre dias rotineiros que se arrastam no “mais ou menos” ou no “podia ser pior”. O nosso querer deve ser sempre o máximo que a nossa capacidade e as nossas circunstâncias nos permitam almejar!

Quero ver em cada amanhecer o brilho do futuro espelhado na minha mente!

(Manuela Resendes)

death-valley-4254871_960_720.jpg

Anúncios

1 Comment

  1. Não guardar para amanhã!

    Para além de ter gostado muito do seu texto, o título que deu ao ao seu “post” “O futuro é hoje!” tocou-me de uma forma especial e, infelizmente, muitos de nós esquecemos isso, em diversas momentos da nossa vida. O cliché “Amanhã é tarde demais” é uma realidade e o tempo demasiado precioso para que, como diz e muito bem, “…o deixemos esfumar-se entre lamúrias e tédio, entre dias rotineiros que se arrastam no “mais ou menos” ou no “podia ser pior”. Claro que nem sempre é fácil e a vida coloca-nos à prova, em várias situações, mas há que lutar, esquecer o ontem que nos entristeceu e ainda nos magoa, viver o hoje, planear o amanhã, não deixar fugir as oportunidades que, às vezes, estão mesmo à nossa frente e não as vemos ou quiçá, não queremos nem enxergá-las. Achamos que tudo se desmorona à nossa volta e que a vida deixou de ter sentido. Um erro que pagamos bem caro, quando olhamos para trás! Aí, já não é possível remediar, porque o tempo não tem regresso! E isso para que sigamos em frente com a convicção de que o que nos pareceu um pesadelo não passou mesmo disso.
    A vida dá-nos sinais. Só depende de nós estarmos atentos!
    Não posso acabar este comentário sem citar as palavras de António Feio que ficaram gravadas na minha memória:
    “ Aproveitem a vida e ajudem-se uns aos outros. Apreciem cada momento, agradeçam e não deixem nada por dizer, nada por fazer.”
    Obrigada pelo seu bonito texto e continuação de um bom domingo. Beijinhos.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s