O açúcar: veneno para as crianças

lollipops-267816_960_720

Recentemente o ilustre cientista Robert Lustig afirmou que o açúcar é o veneno dos tempos modernos. Relativamente às crianças elas nascem a preferir o sabor doce, uma vez que o leite materno possui açúcares naturais,  e a sua introdução nos alimentos sólidos, que começa com a fruta e com a papa, deve implicar um consumo muito moderado. Esta necessidade imperativa de moderação deve-se ao facto do excessivo consumo de açúcar em crianças estar associado a diversos impactes negativos, nomeadamente:

1 – O excesso de açúcar provoca supressão dos sistema imunitário, ficando o organismo mais exposto a ameaças exteriores;

2 – Interferência na absorção do cálcio e do magnésio;

3 – Diminuição da ingestão de nutrientes, como proteínas, vitaminas e sais minerais;

4 – Depressão infantil, dado que o consumo de açúcar provoca oscilações muito elevadas do nível das glicémias, o que pode agravar sintomas relacionados com transtornos de humor;

5 – Aumento exponencial da ocorrência de cáries dentárias em crianças;

6 – Incremento dos níveis de adrenalina, provocando ansiedade e excitação, que rapidamente evolui para irritabilidade e cansaço;

7 – Agravamento de problemas relacionados com eczemas e alergias alimentares;

8 – Afeta negativamente a capacidade de concentração, podendo agravar situações de défice de atenção e hiperatividade.

child-164454_960_720

Moderação é, assim, a palavra de ordem, e deixe as guloseimas, e já agora os refrigerantes,  para ocasiões especiais…

dessert-352475_960_720

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s